555.555.55555 Contato@Idealizy.com

A marca pessoal ou

“personal branding”

está ligada à nossa essência e às características que fazem cada um de nós sermos
únicos. A exemplo de uma empresa que gerencia seu nome, produtos, logotipo, cores, fontes, linguagem e reputação constrói sua
identidade e impacta na forma que é percebida pelos consumidores, nós enquanto pessoas também temos nossas marcas como nome, estilo, forma de expressar causando diferentes impressões nas outras pessoas.
Neste sentido concluímos que a marca não é exclusividade de produtos ou empresas e que a marca pessoal é de extrema
importância para todo profissional seja um empreendedor autônomo, um servidor público, prestador de serviços ou do meio
empresarial.


Na verdade todos nós somos uma empresa “EU Ltda” e temos que administra-la de forma consciente construindo nossa reputação e posicionamento no mercado, como somos vistos e reconhecidos, sendo assim a gestão da marca pessoal não é privilégio de políticos, influencers ou artistas.
Vale lembrar que a reputação não diz respeito apenas às nossas qualidades técnicas ou experiências. 

É preciso se destacar para ter uma boa reputação no mercado.

Autenticidade e coerência é essencial nesta construção, pois passa segurança e credibilidade.

Mas, a estrela deste espetáculo é a paixão. Ela é a parte mais visível e que altera a percepção de valor da nossa marca no mercado.

Se formos apaixonados pelo que fazemos vamos, com certeza, nos empenhar mais e buscar um aprendizado continuo
para ser contribuição para o mundo.
O mercado freelancer, por exemplo, nos oferece muitas oportunidades quando conseguimos nos destacar e mostrar nosso
valor entregando um serviço de qualidade. 

Muitos profissionais tem talentos e expertises impares, mas não sabem explorar isto a seu favor e fica mercê da aprovação dos outros, todavia num mercado tão competitivo é oportuno mostrar nosso potencial deixando em evidência o nosso diferencial para nos vender e nos tornar autoridade no segmento escolhido tomando as rédeas da imagem que está sendo passada e percebida pelo público assumindo assim o controle da nossa marca pessoal.
Compreende-se que marca pessoal não é o que falamos sobre nós mesmos, mas sim o nosso valor e o que os outros compreendem da mensagem que transmitimos.
Para construir ou fortalecer nossa marca pessoal precisamos
observar três pilares:


1 – Objetivo
É fundamental entender o que queremos ser, como queremos ser
conhecidos, quais são os diferenciais que vamos oferecer e quais
valores vamos agregar.
2 – Networking
É muito importante conhecer e se relacionar bem com muitas
pessoas, mas num mundo de negócios competitivos uma habilidade
que faz a diferença é a de conectar pessoas.
3 – Persistência
A construção de uma marca pessoal leva tempo, requer paciência,
persistência e resiliência.
Enfim precisamos ter um objetivo claro e definido para a nossa
marca pessoal, conhecer e conectar as pessoas certas que possam
nos ajudar e ter persistência para continuar progredindo apesar dos
desafios.
Ainda neste contexto vamos apresentar cinco aspectos a serem
trabalhados para fortalecer nossa marca pessoal:

1 – Cultivar o autoconhecimento
Conhecer a nós mesmos é uma das habilidades mais importantes
para o nosso desenvolvimento e crescimento em todas as áreas de
nossa vida.
Ter a consciência de quem somos, conhecer nossas habilidades e
virtudes e reconhecer os pontos que precisamos melhorar ou
potencializar nos permite desenvolver o nosso potencial e através
de nossa alta performance alcançar o sucesso e realização pessoal.

É através do autoconhecimento que descobrimos nosso diferencial
o que servirá de alicerce para a construção ou fortalecimento de
uma marca pessoal a ser imprimida de forma indelével na mente e
no coração do nosso público alvo.


2 – Conhecer nossos clientes/público
Para ter sucesso neste quesito precisamos desenvolver a empatia e
a sensibilidade de entender as dores, prazeres e anseios de nossos
clientes, seguidores, público e quando mais informações tivermos
mais fácil será nossa conexão garantindo o êxito na comunicação
com um diálogo transparente usando as estratégias cabíveis com
decisões assertivas visando oferecer uma solução que elimine ou
minimize a sua angustia

.
3 – Planejar estratégias
Planejamento é pensar com riqueza de detalhes antes de fazer
alguma coisa. A finalidade é criar estratégias de ações para
direcionar a gestão da marca pessoal, com o objetivo de atingir
resultados com eficiência dentro de um tempo pré-fixado.
Após o processo de autoconhecimento e direcionamento do nosso
público é hora de criar uma boa estratégia para aplicação destes
dados. Para definir esta estratégia devemos ter clareza dos nossos
objetivos, do público que queremos impactar, como queremos ser
vistos e reconhecidos, que mensagem queremos transmitir, qual o
nosso diferencial, quais serão nossos canais de comunicação, o
que faremos para fortalecer nossa marca pessoal.
Neste sentido o que vai realmente fazer a diferença é como as
estratégias serão usadas a favor da nossa marca pessoal: a
metodologia que será aplicada, a nossa atitude enquanto
profissionais e o nosso diferencial no processo de construção de
uma marca de valor.
Mesmo que você nunca tenha pensado nisso de forma estratégica,
é com base nestes itens que as pessoas vão lembrar de você e se
referir à sua marca pessoal.


4 – Colocar o plano em ação
Com todas as informações necessárias e com uma estratégia
desenvolvida é hora de partir para ação vencendo os desafios e nos

aperfeiçoando nossas habilidades. Muita gente se sente insegura
nesta etapa, mas é precise começar mesmo não nos sentindo
prontos “feito é melhor que perfeito”. É hora de driblar a
procrastinação e nos lançar.


5 – Avaliar desempenho
A correria e as múltiplas demandas, a rotina, fazem com que
comecemos a agir no piloto automático, porém quando colocamos
um plano em ação é necessário analisar os resultados, ver o que
está dando certo, onde estamos errando e calibrar nossas ações.
Neste mundo globalizado a cada dia surge uma novidade, por isto
devemos estar sempre buscando conhecimento continuo para nos
manter atualizados.

Lembre-se: toda marca tem uma personalidade que foi se desenvolvendo com os aprendizados recebidos desde a infância e
aperfeiçoados ao longo da vida com as nossa vivencias do cotidiano, Tudo nos torna pessoas melhores e com marcas
pessoais diferenciadas.